sábado, 22 de novembro de 2014

Janela de Oportunidade 2014-2015 / Window Of Opportunity (Portuguese)



Janela de Oportunidade 2014-2015 / Window Of Opportunity (Portuguese)





Fiquem com Luz e sempre observem tudo com a verdade do seu coração!   
A Vitoria da Luz esta próxima...! 

Ssapyará (Rinaldo)
Email - rochalve@msn.com

quinta-feira, 20 de novembro de 2014

Pode a Cannabis curar o cancer ?

Por Kimberly Carter Gamble
No filme PROSPERE , eu reconheceu que o câncer havia executado através de minha família como um rio caudaloso. Duas semanas atrás, o rio encontrou o seu caminho de volta para minha vida quando eu recebi um telefonema de um amigo que foi diagnosticado com metástase cabeça e pescoço. Como tantos outros que agora estão indo para fora da medicina ocidental one-size-fits-all-abordagem de cirurgia, quimioterapia e radiação, eu queria descobrir o estado atual de opções alternativas, e, especialmente, a última com a maconha medicinal, agora que ele está ganhando exposição e financiamento através de sua legalização.


















Eu moro na Califórnia, o que levou a nação em legalização da maconha medicinal remonta a 1992. Especificamente, eu moro em Santa Cruz County, que é o lar de umcoletivo que é uma das poucas organizações cliente-serviço em que os EUA podem ensaio ( determinar as quantidades específicas) dos diferentes componentes da planta. Eu também tenho conhecimento baseado em fatos sobre como as empresas farmacêuticas têm suprimido curas no passado, um dom para a pesquisa, e uma motivação sincera para ajudar meu amigo. Assim, para as duas últimas semanas eu estive imerso nos últimos desenvolvimentos, e isso é o que eu encontrei:

Patenteamento Natureza para o lucro

De minha pesquisa anterior para prosperar , descobri o papel que o patenteamento de peças para determinar quais tratamentos são sancionadas e que ficam suprimidas.A essência é que as substâncias que ocorrem naturalmente, não pode ser patenteado em seu estado natural. O desenvolvimento de uma versão sintética de uma substância natural é o que a maioria dos produtos farmacêuticos fazer para criar um produto patenteável, e é isso que lhes permite colher tais lucros enormes.
Tratamento de câncer representa hoje um dólar 200 bilhões por ano da indústria e é em grande parte derivada de versões sintéticas de plantas naturais . Por exemplo, Bristol-Myers Squibb é proprietária da patente para o Taxol / Paclitaxle, um produto químico descoberto na árvore teixo do Pacífico. Agora, é a primeira droga de escolha para vários tipos de câncer, incluindo câncer de mama tumorais. Eles também possuem a patente para Etoposide, um derivado semi-sintético de um epipodofilotoxina fábrica química, descoberto na família planta Mayapple. Eli Lily possui a patente para Vinblastine, um produto químico descoberto no Madagascar Periwinkle na década de 1950. Vinblastine é o primeiro da lista para muitos médicos no tratamento de uma variedade de formas de leucemia.

Esta é uma das razões pelas florestas indígenas estão sendo dizimadas. As empresas farmacêuticas ( muitas vezes sob o pretexto de proteção ambiental ), a equipe com desenvolvedores para mudar tribos, roubar o seu conhecimento das plantas curativas indígenas, modificar e fazer uma versão sintética da planta, e patente o derivado que eles criam. Nenhum benefício é concedido os guardiões desse conhecimento, nem é a terra protegida a partir do qual se encontra.
Como os remédios naturais não podem ser patenteados, são suprimidas em favor de tratamentos sintéticos (ou seja financeiramente rentáveis) patenteáveis. Isso inclui cannabis, uma planta que era considerada um pilar do tratamento para uma ampla gama de doenças, até o final dos anos 1930 e início dos anos de 1940, momento em que foi oficialmente retirado da US Pharmacopeia e Formulário Nacional, a organização que determina os padrões para todos prescrição e de balcão drogas. Na verdade, uma lei foi aprovada em 1937,que tornou ilegal para qualquer médico US prescrever maconha em qualquer forma.

Pode Cannabis cura câncer?

 

Como muitas pessoas, eu costumava pensar de cannabis principalmente como simplesmente um remédio para os efeitos colaterais da quimioterapia. No entanto, ao longo do movimento para legalizar a maconha medicinal nos últimos anos, uma série de informações ressurgiu sobre a sua eficácia como uma cura real para o câncer e outras doenças.
Fontes tão variados como o governo federal financiou National Cancer Institute e MAPS - Associação Multidisciplinar para Estudos Psicodélicos - concluir que a cannabis parece ter agentes anti-inflamatórios, anti-espasmódicos e anti-bacterianos. Um fato notável é que os seres humanos realmente têm ocorrência natural receptores de canabinóides, que parecem responder a cannabis em formas de cura profundamente. A planta pode ser produzido para ter diferentes rácios de tetrahidrocanabinol (THC), canabidiol (CBD, não psicotrópico), cannabigerol (CBG) e tetrahydrocannabivarin (THCV), e os efeitos podem ser direccionados para o tratamento de doenças específicas, dependendo das proporções da composição fitoquímica do ingrediente.


Devido à supressão da eficácia potencial da planta de cannabis todo, tem sido um desafio para padronizar os processos associados com a sua utilização. O filme Corra do Cure documenta a história de Rick Simpson e seu sucesso usando óleo de cânhamo para curar muitas pessoas de câncer em Nova Scotia.
Colega canadense Rick Dwyer era o chefe do Poder Maccan da Royal Canadian Legion quando ele foi exposto a Rick Simpson e experimentado por si mesmo as propriedades curativas da cannabis, na forma de óleo de cânhamo. O pai do Sr. Dwyer foi curada de câncer de pulmão com o óleo. Quando ele organizou uma reunião para colegas Legionaires sobre os benefícios de cura que ele e outros experimentaram pessoalmente a partir de óleo de cannabis, a filial foi fechada pelo escritório principal.Histórias como esta são abundantes, e eu tenho links abaixo para os vídeos e artigos que eu achei mais útil para documentar isso.

Mente / corpo / Conexão Consciência

Em Santa Cruz, o Wo / Men Alliance for Medical Marijuana,WAMM coletiva, oferece um dos poucos lugares na América que podem ensaio da substância para atingir doenças específicas com proporções personalizadas. O co-fundador e diretor da WAMM, Valerie Corral, é um líder dedicado, que alega ter dezenas de pessoas testemunharam pessoalmente reverter sua sentença de morte e viver saudavelmente após tratamento cannabis.
Isto inclui reclamações de curar tudo, desde a fase 4 metástase de câncer - Fase IV linfoma anaplásico Kinasepositive (ALK +) câncer de pulmão não-pequenas células (NSCLC) com epilepsia mioclônica-astática (síndrome MAE ou Doose) em crianças. Muitos têm utilizado as terapias de combinação que incluem quimioterapias, outros optaram por não se envolver em produtos farmacêuticos e experimentaram o sucesso com modalidades alternativas sozinho.
De acordo com Valerie,
"O potencial para a cura é inerente a cada um de nós e requer que influenciar e inspirar nossos sistemas. O nosso trabalho incide sobre o sistema canabinóide endógeno ea interface simbiótica com os nossos outros sistemas. É evidente que não é uma panacéia, nem poção mágica ou uma solução simples que "curas". Enquanto cannabis prova para fornecer potencial curativo extraordinário, a modalidade para a cura é tão complexo quanto cada indivíduo e é tão interdependentes como os sistemas que residem dentro de todos nós. Falamos de inspirar a auto-cura através do ambiente, tanto externa quanto internamente, quando incluímos cannabis e os nossos óleos Milagro como parte da aplicação do corpo-mente-consciência ".

"Uma das maiores ameaças para manter a pureza da medicina é a modificação genética desta antiga fábrica. Como a legislação avança, a agenda oculta dos primeiros financiadores da maconha medicinal movimento surge; as leis que se aplicam a maconha será as leis que se aplicam a todas as plantas. Esta ameaça todos os aspectos da natureza, para o que tem crescido sem restrições naturalmente durante milhares de anos pode ser subjugado ao potencial autocracia corporativa ".
É o meu entendimento pessoal de que nossos corpos físicos têm uma inteligência auto-cura inata / reparação, e que toda a cura é o resultado de auto-cura e auto-reparação habilidades do corpo recebendo o que precisam para fazer seu trabalho inata de restaurar a integridade . Dada a mente / corpo / conexão consciência, nossa crença na eficácia de qualquer cura modalidade que escolher, e nossa confiança na nossa capacidade de recuperar, influenciar o resultado. Eu não acredito que a nossa confiança, crença e alinhamento inteiramente determinar o resultado, só que eles são os principais componentes. Como Valerie disse, essas modalidades alternativas inspirar a auto-cura através tanto do ambiente externo e interno, e isso inclui o nosso senso de valor do tratamento e nossa crença no seu poder de influenciar o nosso desequilíbrio particular.


Então, considere o impacto negativo do cenário ocidental que meu amigo foi oferecido: A biópsia não revelou se o câncer de cabeça e pescoço foi HPV positivo ou HPV negativo. Só HPV responde positivos para quimio e radioterapia. Então, qual foi o plano do oncologista? Para ir em frente e começar a ele em um tratamento intenso de quimioterapia / radioterapia sem razão de diagnóstico para ele ter confiança de que ele iria trabalhar. Meu amigo sentiu que a sua própria imunidade e confiança seriam confiscados em benefício da pesquisa farmacêutica.
Como é tradicional ou alternativa, a fase do cancro, a tolerância do medicamento, em perspectiva espiritual, tratamento e passado todos parecem desempenhar um papel na eficácia de qualquer tratamento.

Aumento Mainstream Aceitação - Oportunidade e Perigo



Se eu estou falando com as pessoas que são tradicionalmente conservador, liberal ou que estão fora do sistema de crença política, quando ligo a conversa para cannabis e aplicações medicinais da maconha não encontrei qualquer um que se opõe a explorar o tratamento ainda mais. O sentimento expresso: se ele pode trabalhar, por que não? Bem, mais uma vez, que é o dólar questão multi-bilhões. Curas naturais como maconha ameaçar o domínio farmacêutico no tratamento do câncer. Este é o lugar onde o perigo ea oportunidade, entre.
Tendo a participação mais mainstream pode adicionar dólares de pesquisa e credibilidade ao assunto. No entanto, existe uma grande quantidade de evidências de que o objetivo dos produtos farmacêuticos é encontrar uma maneira de patentear cannabis e adicioná-lo ao seu arsenal de tratamento contra o câncer, em uma forma pela qual eles podem manter a sua máquina de lucro e apertar os produtores naturais e indivíduos fora do processo.

Geneticamente Engenharia Cannabis para os Pharmaceuticals

Uma forma isso já está acontecendo é em um laboratório secreto no sul da Inglaterra, a GW Pharmaceuticals , que extrai, refina e estuda a planta em suas seis estufas diferentes, onde eles levantam 10.000 plantas cada.Neste local não revelado, GW utiliza a engenharia genética para criar variedades modificadas e depois clona cada cepa. Eles já estão a comercializar um dos seus produtos de cannabis geneticamente modificados no Canadá como um sublingual (embaixo da língua) spray para tratamento de espasmos musculares associados com a esclerose múltipla.
Se as cepas foram clonados para atravessar polinizam com estirpes que ocorrem naturalmente, poderíamos facilmente ver as plantas de cannabis orgânicos comprometida e, finalmente, eliminada. Como a história do milho transgênico demonstra, com empresas impulsionadas pelo lucro e controle, esta ameaça para monopolizar o mercado não é um que devemos tomar de ânimo leve.
Cabe a nós verificar as de financiamento, motivação, associações e transparência das organizações tradicionais e empresas se unem no cannabis em pesquisa e divulgação. Em nosso desejo de ver esta planta recuperar o seu lugar de direito na série de modalidades de tratamento natural, é melhor não abdicar nosso julgamento discernir ou consciência histórica de quem executa esses produtos farmacêuticos eo que eles revelaram seus motivos para estar.




Monsanto fundiu com Searle, Upjohn, e Pfizer para formar Pharmacia, um grande concorrente na arena farmacêutica.A sua história chocante mostra nenhum sinal de diminuir. De fato, seu poder só tem crescido, com a administração Obama limitar a sua responsabilidade, através da Lei de Proteção Monsanto . De fato, um dos principais financiadores do movimento pró-legalização é George Soros, que também é um grande acionista em Monsanto.Este é o tipo de aliança que precisamos observar com cuidado e levar a sério.
Eis o porquê: George Soros é relatado ter contribuído 3,5 milhões dólares de dólares para a campanha no Uruguai para a legalização da maconha. Soros faz parte da diretoria da Drug Policy Alliance baseada em Nova York (DPA), organização mais influente do mundo para a legalização. Sua Fundação Sociedade Aberta também é listado como um dos principais apoiantes financeiros da legalização do Uruguai. Estes esforços foram bem sucedidos e Uruguai já legalizou estado controlado uso da planta. Presidente do Uruguai Mujica deixou claro que seu objetivo é e tem sido a de criar um código genético único para a cannabis em seu país. Ele diz que isso é "manter o mercado negro sob controle." Em outras palavras - para abafar o mercado livre em favor do controle do governo. Sementes de maconha geneticamente modificadas da Monsanto concederia tal controle, e muito mais.
Monsanto tem estado por trás de soja GMO-do Uruguai e do milho GM por décadas. Combinado com regulamentos estaduais do Uruguai e proteção, o mega-gigante está agora pronta para parceiro na "experimentação" de cultivar um produto cannabis OGM para ser usado como um farmacêutico patenteado para fins medicinais . Siga o DINHEIRO .


                      Nosso direito de Cura










               

Nossa auto-determinação discernimento é o que é chamado para, e nosso direito de curar é o que está em jogo. A pesquisa inflamados por diagnóstico recente alimenta ainda mais do meu amigo minha crença nos poderes curativos requintados da natureza em apoiar os nossos corpos dos próprios habilidades de cura, e me excita sobre o potencial de cannabis 'verdadeiros, duradouros e curativas poderes no tratamento de câncer e outras doenças debilitantes e doenças se não-fatais. Ele também me sobers sobre as formas insidiosas que a pesquisa convencional pode ser usado para dominar o mercado em algo natureza fornecido para todos nós para explorar e aplicar.
Vou continuar a postar mais informações sobre como podemos proteger cannabis natural, e apoiar a investigação transparente que é necessário, bem como outra informação que eu encontrar ao percorrer o campo desafiador e promissor de maconha medicinal.
Eu também incentivá-lo a assistir a prosperar e vá para a site para rever o quadro completo de como tudo isso se encaixa com outros esforços para consolidar o poder e controle, bem como ações efetivas as pessoas estão tomando para capacitar real e duradoura soluções em todo o mundo .
Abaixo estão links para filmes e artigos que eu encontrei para ser informativo nas últimas semanas. Eu não atestar a sua integridade factual, apenas o seu valor para mim como recursos no meu inquérito. Por favor, compartilhe seus recursos e experiências também. Juntos seremos imparável como recuperar o nosso direito e nossa verdadeira capacidade, para curar.

Recursos








Fiquem com Luz e sempre observem tudo com a verdade do seu coração!   
A Vitoria da Luz esta próxima...! 

Ssapyará (Rinaldo)

Email - rochalve@msn.com

quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Midia Alternativa - Benjamin Fulford - "Reunião do G20 foi uma derrota total para a cabala, com as famílias criminosas Bush e Cohen em paradeiro desconhecido" - 17.11.2014



Dizem varias fontes que foi só a reunião do G20 terminar na Austrália e se tornar uma derrota total para a cabala e sua agenda. A quadrilha tentou usar a Ucrânia como uma desculpa para iniciar uma guerra contra a Rússia, numa forma de reconstruir as economias ocidentais e se manter no poder. No entanto, em vez disso, os franceses, britânicos e alemães abandonaram norte-americanos controlados pela cabala e juntaram-se a grande maioria do planeta para apoiar uma iniciativa dos BRICS de um novo plano Marshall para o planeta, dizem as fontes. As tentativas de inflamar o sentimento de guerra usando a Ucrânia e ISIS, não deu em nada com a maioria dos líderes mundiais.

Os encontros dos BRICS e APEC na semana passada terminaram focalizando a parada da evasão fiscal por parte de empresas multinacionais, do aumento de recursos para o combate à pobreza e acabar com a destruição ambiental.

Além disso, os militares dos EUA estão em estado de choque e desmoralizados, depois que um barco de guerra americano da “classe Aegis”, foi convertido num pato aleijado no Mar Negro, no início deste ano, de acordo com relatos franceses e outros.


Como explicou um general russo: "Quanto mais complicado é um sistema eletrônico, mais fácil é de interferir com ele." A implicação óbvia aqui é que grande parte do equipamento militar altamente informatizado dos militares dos EUA pode ser eletronicamente interferida, tornando-se tão perigosa quanto refrigeradores. Como se houvesse tornado na historia de Arthur C. Clarke de 1951, "Superioridade", sobre um exército que perdeu devido a sua dependência de equipamentos de alta tecnologia não testada. Essa história costumava ser leitura obrigatória para os oficiais militares norte-americanos.

Em qualquer caso, os russos e os outros estão dizendo que, quando a Marinha russa estacionou uma frota perto da reunião do G20, na Austrália, os norte-americanos estavam demasiado temerosos de enviar sua própria frota para responder.

A loja franco maçônica P2 e o Pentágono disseram que não foi só isso, mostrando aos lideres mundiais evidência detalhada, que os incidentes dos vôos 370 e 17 da Malasyan Airlines, foram chantagens nucleares realizadas pelas famílias mafiosas, Bush e Cohen da Flórida. O Pentágono reagiu a estas revelações, realizando outra reestruturação de suas forças nucleares, a fim de deter qualquer (ataque de) terrorismo nuclear de Bush/Cohen.

De acordo com fontes da loja  P2, os Estados Unidos agora são administrados por sete famílias criminosas. Dessas famílias, as famílias Bush e Cohen são que agora se interpõem entre as pessoas do mundo e a liberdade.

A facção intransigente da cabala Bush/Cohen, está agora reduzida a alguns escravos, como primeiro-ministro Abe do Japão, Abbott da Austrália e para grande pesar deste escritor, Harper do Canadá.

Abe voltou ao Japão apenas para se encontrar com um motim contra ele, dentro dos partidos governantes, Liberal Democrata e do partido Komeito, segundo fontes da direita japonesa. A facção contra Abe vazou noticias de uma eleição geral prevista para Dezembro, enquanto o próprio Abe tem lutado com unhas e dentes para impedir que isso aconteça, dizem. A coalizão governista está dividida entre duas grandes facções e a facção pró Abe está perdendo apoio rapidamente.

Os últimos índices econômicos mostram que a economia do Japão contraiu-se em 1,6% anuais, no trimestre julho a setembro. Isso significa que o Japão está oficialmente em recessão e que o “Abenomics” tem sido um fracasso. Na verdade, o “Abenomics” tem sido nada mais do que saques em massa dos fundos de pensões do Japão e outros ativos financeiros, destinados a apoiar a cabala dos EUA. Se Abe for removido, o jogo acaba para a facção nazi-sionista Bush/Cohen. É por isso que se espera que hajam duras lutas internas no Japão nas próximas semanas.

Também é interessante observar que um alto funcionário do Mossad foi enviado a Tóquio na semana passada para se encontrar com um representante da Sociedade do Dragão Branco. Este agente estava completamente fora de contato desde o ataque terrorista nuclear com tsunami de 11 de março de 2011, contra o Japão. Foi imediatamente depois deste ataque terrorista que o primeiro ministro de Israel, Benyamin Netanyahu telefonou para primeiro ministro japonês Naoto Kan, exigindo que o Japão entregasse todos seus ativos em títulos do Tesouro dos EUA. Se não fizesse, Netanyahu ameaçou destruir todos os reatores nucleares do Japão. Kan entregou judicialmente os certificados do tesouro e suponho que a cabala pensou que tivesse saído vitoriosa.

Estavam equivocados. Disseram ao agente do Mossad que Netanyahu e os outros indivíduos responsáveis por esse ataque teriam de enfrentar um processo criminal. A ele também foi dito que não seria nenhum pogromo (assassinato em massa de judeus), mas que a seção da população judaica com alto nível de lavagem cerebral teria que ser reeducada com base em fatos históricos reais.

O fato é que o hebraico e o iídiche são línguas germânicas da Europa Central e não idiomas do Oriente Médio. As únicas pessoas no antigo Oriente Médio que falavam uma língua indo-europeia foram os Hicsos que adoravam uma cabra com uma cauda bifurcada. Essa é a imagem que agora associamos com Satanás. O povo da Judéia cuja história a Torá conta, falava aramaico.

O Hicsos invadiram e governaram o Egito durante um tempo e quando foram expulsos, levaram um bando de escravos egípcios. As implicações aqui, claramente dizem que durante milênios, os judeus têm sido escravos inconscientes de um culto ancestral de adoração ao Satanás dos Hicsos. O agente do Mossad disse que uma vez que os judeus soubessem disso, finalmente seriam libertados de milênios de escravidão.

O agente do Mossad também perguntou por que presidente dos EUA, Barack Obama era tão anti-Israel. Foi-lhe dito que Obama era apenas um porta-voz do exército norte-americano. Foi explicado a ele que os militares dos EUA estavam com raiva por coisas tais como o 11.09.2001 e do incidente com o USS Liberty.


As facções hicsos/satanistas estão agora sendo expurgadas na Inglaterra e no Vaticano, de acordo com várias fontes. O Papa Francisco removeu milhares de padres pedófilos do Vaticano, saneou o banco do Vaticano acabou com sua influência nessa organização.

Na Inglaterra, histórias que costumavam estar na periferia das chamadas "teorias da conspiração", agora estão aparecendo em jornais e até mesmo na BBC. São histórias falam sobre uma rede de pedofilia repleta de políticos, militares e outras figuras de alto escalão matando e estuprando meninos.



A Scotland Yard está investigando e prisões em massa são esperadas, dizem funcionários do MI5.

Quando estes mesmos tipos de incidentes forem processados nos Estados Unidos e no restante da UE, então o horror perpetrado por estes membros de seitas, finalmente chegará ao seu fim.

Por ultimo, a este escritor foram oferecidas PASSAGENShttp://cdncache-a.akamaihd.net/items/it/img/arrow-10x10.png de primeira classe para ir ao Reino Unido testemunhar no julgamento de Michael Shrimpton, sobre as ameaças terroristas nucleares aos Jogos Olímpicos de Londres de 2012. No entanto, fui advertido por um telefonema de Londres, que o julgamento poderia ser uma armadilha preparada por Tony Blair e outros asseclas de Bush no Reino Unido.


Autor: Benjamin Fulford 
Fonte primária: http://benjaminfulford.net
Fonte secundária: BenjaminFulfordCastellano
Tradução: Sementes das Estrelas / Candido Pedro Jorge



Fiquem com Luz e sempre observem tudo com a verdade do seu coração!   
A Vitoria da Luz esta próxima...! 

Ssapyará (Rinaldo)
Email - rochalve@msn.com

terça-feira, 18 de novembro de 2014

A TEORIA IMPERFEITA DE QUE AS EMOÇÕES NEGATIVAS ESGOTAM-SE AO SEREM EXPRESSAS



Há um ensinamento comum referente às emoções que é muito disseminado em nosso mundo atual.

Eis aqui: Quando liberamos nossas emoções, elas se esgotam. Portanto, a ideia é que quando estamos zangados e liberamos a nossa raiva, por expressá-la, ela se esgota. Quando estamos frustrados e damos vazão à nossa fúria ou frustração, então a sensação de frustração se esgota. Quando odeio alguém e expresso o meu ódio em palavras, ele se esgota por si mesmo. Essa é a ideia, contudo, é uma falsa ideia.

As emoções não se esgotam quando as deixamos sair, por expressá-las. O medo, a raiva, a inveja, a frustração, o ódio, que estão em nosso interior, jamais desaparecerão por expressá-los. Pelo contrário. Quando vocês expressam os seus medos, preocupações e frustrações, eles crescem. Por quê?

Lembrem-se, vivemos em um mundo de energias e forças. As emoções são forças. Quando expressamos nossas emoções, liberamos forças. Conforme disse Albert Einstein: “A energia não pode ser criada ou destruída, pode apenas ser alterada de uma forma para outra”.

Assim, quando sentimos raiva e a liberamos por expressá-la, a força da raiva ainda é raiva. Quando sentimos frustração e a expressamos, a força da frustração ainda tem a mesma frequência. Não diminui por meio da expressão ou desaparece no ar. Por quê? Porque a energia não pode ser destruída.

Então, tudo o que vocês fazem quando expressam a sua raiva, o seu medo, a sua inveja é poluir o seu próprio campo de força, a sua aura, em que, então, vocês têm que viver. É por isso que expressar raiva, ódio etc. apenas pioram as coisas. Vocês estão poluindo o seu ambiente autocriado e produzem um campo de força ao seu redor que literalmente se torna uma prisão.

Portanto, se quisermos estar livres do medo, raiva, ódio, inveja, fúria, frustração e de todas as muitas emoções negativas que sentimos, temos que transmutá-las, não expressá-las em seu estado negativo. A energia não pode ser destruída, no entanto, pode ser transmutada. E assim, a conclusão é que a saída da nossa miséria emocional NÃO é a expressão descontrolada de nossas emoções negativas, mas a sua transmutação controlada.

Transmutar a energia emocional negativa significa reciclar a energia, ao oferecer-lhe uma nova direção. Por exemplo, quando vocês sentem raiva, a ideia é empregar a força destrutiva da raiva na canalização de algo construtivo, que lhes proporcione alegria. Dessa maneira, a força da raiva é realmente transmutada em alegria. Quando vocês transmutam a raiva em alegria, a raiva desaparece. Vocês ficam livres.

Todavia, se expressarem a sua raiva, a força da raiva ainda é a mesma. Ainda é raiva, e vocês não estão livres, porque a força da raiva ainda estará presente em sua aura. A sua aura é o seu ambiente autocriado, que vocês produzem a cada pensamento, a cada emoção que expressam, a cada desejo que carregam em seu interior, a cada palavra que proferem e a cada ação que realizam.

Todos nós vivemos, respiramos e existimos em nossa atmosfera autocriada. É nossa responsabilidade manter a nossa casa limpa – não apenas para o nosso bem estar e a nossa saúde, mas para a paz na Terra. Assim, quando estiverem com raiva, por exemplo, retirem a força da raiva e canalizem-na para um projeto criativo que lhes proporcione alegria. Vão pintar algo ou dancem – e esse é o ponto importante – pintem ou dancem com ALEGRIA!

Não soltem a sua raiva ao pintar um quadro raivoso. Transmutem a raiva ao pintar um quadro alegre. Não liberem a raiva dançando com uma música sombria. Transmutem a raiva, ao dançar com uma música edificante, angelical! Dessa forma é que vocês sublimam a energia. As emoções são correntes de energia que precisam ser expressas e NÃO devem ser inibidas, contudo, elas precisam ser expressas de uma forma saudável.

Portanto, SIM, nossas emoções negativas precisam sair do sistema, elas têm que vir à tona, tem que haver alguma saída para as nossas emoções, no entanto, a forma saudável de expressar emoções negativas é, primeiro transmutá-las em uma frequência mais elevada e, em seguida, expressar essa frequência superior.

Todos nós temos emoções negativas de vez em quando, no entanto, pensem nisso: Alguma vez já se satisfez ao liberá-las? Suas emoções negativas alguma vez foram embora por vocês expressá-las? Expressar suas emoções negativas já lhes trouxe paz e amor em seus relacionamentos e em sua vida interior? Se forem honestos consigo mesmos, a resposta é: não.

Expressar nossas emoções negativas não as faz ir embora. A única forma de fazer com que as nossas emoções negativas vão embora é transmutá-las em amor e alegria. Experimentem isso durante os próximos sete dias. Seu coração vai vibrar de alegria, porque vocês finalmente conhecerão o segredo do domínio e controle emocional.

OBSERVEM: O tema das emoções é um tópico enorme e complexo. Este breve artigo aqui apenas demonstra uma das muitas maneiras de se lidar com as nossas emoções. Não reflete o quadro completo.

(Se desejarem aprender mais, informem-se no site abaixo*).


Tradução: Ivete Brito – www.adavai@me.com – adavai.wordpress.com